yourdisqusshortnamehere
c
Loading...

Dilma é ridicularizada na Europa. Quis dar aula de economia no continente e quebrou o Brasil

PUBLICIDADE Continue lendo

Assim que assumiu seu primeiro mandato em 2011, a presidente Dilma Rousseff voava em céu de Brigadeiro e mar de Almirante no que dizia respeito à economia interna. Assim como Lula em seu último mandato, Dilma surfava a onda dos altos preços das commodities no mundo e exibia sua arrogância de gerentona por onde quer que fosse.

Em obturo daquele ano, Dilma fez uma visita à sede do Conselho Europeu, em Bruxelas, onde já chegou de nariz empinado. Ao se dirigir aos líderes do conselho, Dilma afirmou ver um grande equívoco por parte dos países do continente em perseguir metas de ajustes fiscais como fórmula de combater o desequilíbrio nas contas públicas.



Dilma aconselhou os chefes de Estado a promoverem investimentos visando a geração de empregos e a estimularem o consumo como forma de aquecer a produção industrial. Constrangidos, alguns dos presentes questionaram a lucidez da presidente ao sugerir medidas que agravariam o quadro de forte recessão vivido no continente na época.

Dilma também chegou a dar uma dura na chefe do governo alemão, Angela Merkel, sobre sua política de socorro aos bancos e o estímulo ao forte ajuste fiscal dos países da zona do euro. Bastou uma queda nas cotações das commodities e todo o talento de Dilma foi pro brejo, sua irresponsabilidade fiscal, a mesma que pregava aos  líderes europeus, veio à tona.

Passados pouco mais de quatro anos das lições de Dilma no continente, a economia na Europa apresenta crescimento médio de 2,2%, enquanto  a economia brasileira se retrai em cerca de 4% em 2016 e 3,5% no ano passado.

No lugar de tentar dar aula de economia, Dilma deveria ter ouvido com mais humildade o conselho da chanceler alemã: "nossa preocupação não se limita aos desafios do presente. Procuramos olhar além, visando garantir um futuro promissor ao povo da Europa", observou Angela Merkel, que deu uma goleada em Dilma em questões de economia. A chanceler alemã é apontada como a grande responsável pela recuperação da economia da Europa.
PT 1655529490782208607

Postar um comentário

  1. Kkkkk q idiota. Q burro eu q acreditei no sapo barbudo e ainda de lambuja nessa greluda. Eu era direita e não sabia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você veio para o lado direito da força padawan. rsrs!

      Excluir
    2. não é direita nem esquerda... é o povo com qualidade de vida!

      Excluir
    3. E a moral e ordem que se fda.???

      Excluir
  2. uma imbecil que quebrou uma loja de 1,99 nao poderia governar um pais. deuno que deu!

    ResponderExcluir
  3. Lula poderia ter entrado para o celeto grupo de estadistas mais popular do mundo. Mas preferiu ser lembrado como ladrão.

    ResponderExcluir
  4. Miami - FL / U.S.A
    May 8th, 2016

    The greatest fuck you in the 21st century.

    ResponderExcluir
  5. Miami - FL / U.S.A
    May 8th, 2016

    The greatest fuck you in the 21st century.

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Página inicial item