yourdisqusshortnamehere
c
Loading...

Lula levou Rosemary Noronha em 13 viagens ao exterior, revela Polícia Federal

PUBLICIDADE Continue lendo


A Polícia Federal rastreou viagens internacionais de Lula e se deparou com uma série de curiosidades. Em um dos relatórios anexados ao processo, é possível identificar que Lula deixou o país 183 vezes entre 2007 e 2015. O fotógrafo Ricardo Stuckert o acompanhou em 146. Outros nomes recorrentes são de integrantes do staff do ex-presidente - seguranças, assessores, ajudantes de ordens - nada mais natural.

Fábio Luís, o Lulinha, também investigado na Operação Lava-Jato, viajou com o pai sete vezes, enquanto  o ex-diretor da Odebrecht, Alexandrino Alencar, voou na companhia do ex-presidente quatro vezes. A ex-primeira-dama Marisa Letícia acompanhou o marido em 19 viagens. E Rosemary Noronha, amiga íntima de Lula e ex-chefe de gabinete do escritório da Presidência da República em São Paulo durante a primeira metade do mandato de Dilma, integrou a comitiva de Lula nada menos que 13 vezes no mesmo período.

Rose Noronha, como é conhecida a amiga de Lula, ganhou fama em outra investigação da Polícia Federal, a Operação Porto Seguro, deflagrada em novembro de 2012. Na operação, destinada a desarticular um grupo de lobistas que vendia facilidades no governo, a PF descobriu que Rose usava da proximidade com Lula para receber vantagens dos clientes da quadrilha. Investigada pelos crimes de formação de quadrilha, tráfico de influência e corrupção passiva, Rose foi denunciada pelo Ministério Público. Rosemary Noronha também usava a intimidade com Lula para desfrutar de mordomias à custa dos cofres públicos. A ex-primeira dama Marisa Letícia não estava presente em nuhuma das 13 viagens em que desfrutou da companhia de Lula
Política 6160812366816486691

Postar um comentário

  1. Não adianta destruir, depois iria gastar muito para acertar, o melhor é fazer com que a justiça retire os maltrapilho de lá.

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Página inicial item